Conecte-se conosco

Cotidiano

Paulo Gustavo piora e médicos recorrem a pulmão artificial

Ator Paulo Gustavo foi submetido a tratamento com pulmão artificial

Publicado

em

O ator Paulo Gustavo (42 anos) apresentou piora no seu quadro clínico nesta sexta-feira(2) e médicos começam novo tratamento por Oxigenação por Membrana Extracorpórea – ECMO. O ator está internado numa UTI desde o último dia 13 de março.

“Optamos pelo início da terapia coadjuvante com Ecmo, com o objetivo de permitir uma melhor recuperação da função pulmonar. Após o agravamento ocorrido, a situação permanece estável nas últimas horas”

Equipe médica do ator paulo gustavo, em boletim clínico

O que é a ECMO (Oxigenação por Membrana Extracorpórea)?

A ECMO (Oxigenação por Membrana Extracorpórea), que o ator Paulo Gustavo está sendo submetido, é um tratamento feito por aparelho médico complexo que assume a função do pulmão e ou coração artificiais para pacientes que estão com os órgãos comprometidos.

Ator Paulo Gustavo passa por novo tratamento para pacientes críticos com Covid-19

O sangue é bombeado longe do corpo através de uma cânula que seja introduzida em uma veia principal e passada através de uma câmara de ar da membrana com fluxo do oxigênio para se tornar oxigenada antes de ser retornado ao corpo.

O respirador, máquina usada quando o paciente está intubado, não subsitui a função do pulmão e apenas injeta um fluxo contínuo de oxígênio no paciente. Já a ECMO, mais complexa, faz a circulação e a oxigenação artificiais do sangue. A máquina é ligada ao paciente através de cateteres.

No mundo, segundo estudo até agosto de 2020, foram realizadas mais de duas mil ECMOs para Covid-19, e 55% dos pacientes tratados conseguiram se recuperar.

Os estudos médicos sobre o uso do aparelho em pacientes com Covid-19 são recentes.

Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

Todos os Direitos Reservados © 2021 | Portal Capital Teresina | Jornal Diário do Povo | Editora Capital Teresina Ltda