17/04/2017 - 12:19

Fórum discute revisão do Plano Diretor de Teresina

O Teresina Participativa é o pontapé inicial para as discussões dos dois planos.

Autor: Capital Teresina

Construir a Teresina que queremos e que precisamos. Com esse objetivo, a Prefeitura de Teresina inicia, na próxima quarta-feira (26), as discussões sobre a revisão e a atualização do Plano Diretor de Ordenamento Territorial Urbano (PDOT) e a elaboração do Plano Plurianual (PPA 2018-2021). Os debates acontecem durante o Fórum Teresina Participativa, que segue até o dia 28 de abril.

O Teresina Participativa é o pontapé inicial para as discussões dos dois planos. As inscrições podem ser feitas até o dia 25 de abril pelo site teresinaparticipativa.com.br. Após os debates presenciais, será aberta uma consulta pública, por meio do aplicativo Colab. Lá, a população poderá responder a um questionário interativo e apresentar sugestões.

“O Fórum é o momento em que vamos apresentar as ações da administração municipal e as propostas e soluções que estão sendo discutidas com associações e entidades. E o mais importante é que vamos também ouvir a população, as suas demandas e discutir com ela as propostas de acordo com cada um dos eixos da Agenda 2030. Em seguida, teremos a participação online, abrangendo mais pessoas de diversas regiões e segmentos”, afirma o secretário municipal de Planejamento e Coordenação, Washington Bonfim.

Ele lembra que a participação da população é de extrema importância para construir a cidade que todos desejam. “Queremos ouvir a população, saber que cidade ela quer para os próximos anos, quais as suas demandas. A intenção da administração municipal é construir junto com a sociedade. Por isso essa participação é tão importante”, comenta.

PPA e Plano Diretor

O Plano Diretor de Ordenamento Territorial irá definir o planejamento urbano e a gestão territorial e os acessos aos novos instrumentos, diretrizes e mecanismos legais de política urbana, que permitem o desenvolvimento equilibrado e sustentável da cidade e proporcionam mais qualidade de vida e bem-estar para população.

Enquanto isso, o Plano Plurianual irá definir as diretrizes, objetivos e metas para os próximos quatro anos. No PPA, serão apresentadas as prioridades de investimentos e que irão direcionar as futuras peças orçamentárias.

Eixos de discussão

As discussões, durante o Fórum Teresina Participativa, serão divididas em cinco eixos: inclusão social, sustentabilidade ambiental, qualidade de vida, governança e produtividade econômica. Ao realizar a inscrição, o cidadão pode escolher tema deseja escolher.

“Os eixos obedecem às diretrizes da Agenda 2030 e que hoje norteiam as ações e políticas da administração municipal. Queremos que a população e as entidades apresentem o que elas querem para cada um desses eixos e ajudem a Prefeitura a construir uma cidade cada vez melhor”, afirma a secretária executiva de Planejamento Urbano, Jhamile Almeida.

No eixo inclusão social serão discutidas propostas para saúde, educação e as políticas de inclusão da juventude, mulheres, idosos e pessoas com deficiência. No eixo qualidade de vida, a intenção é debater o fortalecimento da cultura, do esporte e do lazer. Já no quesito sustentabilidade ambiental, as discussões irão se basear na mobilidade, no adensamento do espaço urbano e na preservação do meio ambiente. Quanto à produtividade econômica, a ideia é colher propostas que ajudem no estímulo à renda e à qualificação profissional e na promoção da economia solidária, além da busca por investimentos. Enquanto isso, no eixo governança, o principal foco é relação entre a administração municipal e a população e a transparência.

O Fórum Teresina Sustentável acontece entre os dias 26 e 28 de abril no auditório da Federação das Indústrias do Piauí (FIEPI), na zona Sul de Teresina. As inscrições podem ser feitas pelo site teresinaparticipativa.com.br até o dia 25 de abril.

 


Fonte: Ascom