versão para impressão

Matéria publicada: 05/11/2018 - 11:15

JUNTA leva artistas piauienses para se apresentarem no Festival Panorama – RJ

O Festival carioca tem curadoria assinada pelo JUNTA, do Piauí

Autor: Ascom

Com a curadoria nacional assinada pelo JUNTA – Festival Internacional de Dança, três espetáculos piauienses participarão da programação do Festival Panorama, do Rio de Janeiro, no período de 8 a 12 de Novembro.

Consagrado como um dos principais festivais de arte contemporânea do país e de reconhecimento internacional, o Panorama firmou parceria com o JUNTA como forma de viabilizar a realização dos dois festivais, possibilitando que o JUNTA aconteça também, pela primeira vez fora de Teresina, no Acampamento 1 – Rio de Janeiro.

O JUNTA é um conjunto de ações artísticas e formativas, que tem a dança contemporânea como objeto e ponto de reflexão sobre a arte e o mundo. Busca a experiência estética, o encontro, a formação artística e de público, o fomento à dança e arte locais, a criação e manutenção de redes de conexão e a ressignificação de espaços públicos. Visa “deseducar o olhar”. Idealizado pelos artistas e gestores culturais Janaína Lobo, Datan Izaká e Jacob Alves, o JUNTA se faz da união não apenas de iguais, mas dos diferentes pensamentos que podem conviver no ambiente criado pelo Festival.

“Esse ano nós três, o JUNTA, assina a curadoria nacional dos espetáculos que vão estar no Panorama. Então, três trabalhos daqui de Teresina que a gente confia muito, acredita muito e acha muito importante que muitas pessoas assistam, vão estar no Rio dentro do festival de lá, estaremos lá fortalecendo essa parceria para que os dois festivais esse ano aconteçam”, explica Janaína Lobo.

Os espetáculos E|N|T|R|E, criado e dirigido por Datan Izaká, Trindade, da Só Homens Cia de Dança e Treta, da Original Bomber Crew, são as produções piauienses que farão parte desse novo espaço criado pela parceria. Destes espetáculos, Trindade e Treta também se apresentação em Teresina dentro da programação do JUNTA, que acontece de 12 a 18 de Novembro em Teresina.

Trindade  Foto: Divulgação

O Panorama está completando 26 anos ocupando a cidade do Rio de Janeiro-RJ. Durante esse período apresentou companhias e artistas nacionais e internacionais, com papel fundamental na construção da memória da dança no Rio e já é parte do calendário cultural da cidade e ponto de encontro de mais de 20 mil pessoas por edição.

Essa articulação possui patrocínio da Oi e apoio da Oi Futuro.

 

Programação JUNTA + Panorama (Acampamento 1 – Rio de Janeiro)

E|N|T|R|E - 09 nov | 21h, 10 nov | 21h

 

O espetáculo questiona a maneira como lidamos com as infinitas possibilidades pelas quais o nosso corpo atravessa todos os dias. Em cena, os performers Helen Mesquita, Daline Ribeiro e Ireno Junior, elaboram imagens que vão imergir da percepção de que tudo se dá a partir de uma cadeia de acontecimentos, como numa espécie de enganchamento natural da vida. A obra propõe em sua coreografia a inter-relação entre os três performers, o público e um emaranhado de fios instalados num ambiente sensorial e intimista, criado e dirigido por Datan Izaká.

Espaço Cultural Municipal Sergio Porto

Rua Humaitá, 163 – Humaitá / Rio de Janeiro

 

TRINDADE - 11 nov | 19h, 12 nov | 21h   

O que define sua natureza? Pergunta chave para o espetáculo Trindade (a drag, o cavalo e o xaile), que traz para a cena três performers bailarinos da Só Homens Cia de Dança. Ao som de fados portugueses eles desenvolvem a dramaturgia criada por Samuel Alvís, que inclusive dirige e atua, dividindo o palco com Adriano Abreu e José Nascimento, todos de Piauí, Teresina.

Espaço Cultural Municipal Sergio Porto

Rua Humaitá, 163 – Humaitá / Rio de Janeiro

Trindade  Foto: Divulgação

 

TRETA - 10 e 11 nov  | 21h

Espetáculo é um fruto das pesquisas do Campo Arte Contemporânea e da Casa de Hip Hop e do Balde, em Teresina, Piauí. A obra que levou dois anos para ser criada, propõe interação com o público e elementos do breaking, hip-hop, assim como outros ritmos que são usados para compor a obra que se revela como uma explosão poderosa a partir dos movimentos. O espetáculo é assinado pela cia Original Bomber Crew, onde Allexandre Santos e Cesar Costa assinam a concepção e também dividem cena com os performers Carlos Adriano, (Nenem), Cesar Costa, Javé Montuchô, Malcom Jefferson, Maurício Pokemon, Phillip Marinho.

AZ Sustentabilidade

Av. Nossa de Copacabana, 828/Sobreloja – Copacabana