23/10/2018 - 12:00

JUNTA - Festival Internacional de Dança lança programação nesta quinta-feira (25/10)

Durante o lançamento, haverá um debate sobre cultura com a artista inglesa Helen Cole

TERESINA - Nesta quinta-feira (25) acontece o lançamento da quarta edição do JUNTA - Festival Internacional de Dança, que acontece este ano de 8 a 12 de Novembro , no Rio de Janeiro, e de 14 a 18 de Novembro em Teresina.

Foto: Divulgação/Caio Bruno

Durante o lançamento, iremos discutir a importância da realização do Festival como forma de expressão dentro do contexto atual e apresentar a programação desta edição. Para o debate, contaremos com a participação da artista inglesa Helen Cole, que contribuirá com um bate-papo sobre arte, além da apresentação da banda de pífanos Caju Pinga Fogo e dos DJs Donato e 70smokes.

O lançamento do JUNTA acontece às 19h, na Galeria The Doors - Work e Art, localizado na Rua Gen. Ademar Rocha, 2525, zona leste de Teresina.

                                                                                                                        

O JUNTA

O JUNTA - Festival Internacional de Dança se define como um conjunto de ações artísticas e formativas, tendo a dança contemporânea como objeto e ponto de reflexão sobre a arte e o mundo. Visa a experiência estética, o encontro, a formação artística e de público, o fomento à dança e arte locais, a criação e manutenção de redes de conexão e a ressignificação de espaços públicos. Visa “deseducar o olhar”.

O Festival surgiu em 2015, já fortalecendo e oficializando um circuito de festivais de dança no Nordeste do Brasil. Já em sua 1ª edição marcou Teresina dentro do circuito de dança contemporânea do país, chamando a atenção de produtores internacionais, viabilizando uma experiência estética, que fomenta a dança e a arte locais e a criação e manutenção de redes de atuação.

Idealizado por Janaína Lobo, Datan Izaká e Jacob Alves, o JUNTA se fez da união não apenas dos iguais, mas de juntar os diferentes e fazer eles conversarem, criando um ambiente de convívio.

"Eu lembro que a gente conversava muito porque já era realmente assim um momento de crise, as relações já estavam bem desgastadas. E era uma coisa que alimentava a gente. Foi dando respiro, foi dando um outro sentido. Naquele ano as peças eram peças muito diferentes. Eram pensamentos muito distintos, então, era realmente como isso convive e como isso se apresenta como panorama de pensamentos de arte, de dança”, lembra Janaína Lobo.

Foto: Divulgação/Caio Bruno

O Festival já contou com a participação de artistas das mais diversas cidades brasileiras e de vários pedaços do mundo como Chile, França, Espanha, Argentina, Moçambique e outros. No JUNTA, independente da língua pátria, o diálogo se dá pela arte da dança, pelas expressões corporais.

Fazer o JUNTA e fazer o JUNTA chegar a sua quarta edição é resistir. Seja na sua idealização, nas suas articulações, reflexões e possibilidades. Nós resistimos e existimos como cultura e como movimento. Em 2018, em pleno B-R-Ó, nós seguimos com força para dizer: VAI TER JUNTA SIM!

Em Teresina o Festival acontece de 14 a 18 de Novembro, recebendo os artistas da dança em um literal abraço caloroso com ocupação de ideias e espaços compartilhando experiências e questionamentos. As apresentações ocupação espaços importantes de da cidade como o CAMPO, Escola Estadual de Dança Lenir Argento, Galeria Nonato Oliveira e Biblioteca Cromwell de Carvalho. Os locais escolhidos fazem parte do contexto de surgimento do JUNTA e de vários artistas locais, contando um pouco da história de Teresina através da cultura.

Mas, o JUNTA também acontece dentro do Festival Panorama, no Rio de Janeiro, que é um dos grandes festivais de arte contemporânea com 27 anos de história e referência internacional, em uma parceria de viabilização dos dois festivais em um momento de dificuldade e crise em que nos fortalecemos criando e trabalhando em rede. O JUNT4 Acampamento 1 - Rio de Janeiro leva à programação nacional do Panorama espetáculos com curadoria do JUNT4. São trabalhos recentes feitos aqui em Teresina, que ganham palco para mais e novos olhares.

O Festival, para a cena artística local, virou um contato com trabalhos que são referência de pensamentos e modos contemporâneos de fazer dança tanto no Brasil como fora do país, além de dar visibilidade aos artistas locais. Ele se faz como canal de estímulo à produção piauiense e troca de experiências. O JUNTA é um Festival teresinense de alcance e repercussão internacional.

O Junta conta com o apoio do Oi Futuro através do Programa Pontes.


Fonte: Ascom