11/12/2017 - 16:31

Jovens conseguem emprego antes da graduação

Essa primeira oportunidade já é possível em grandes empresas e multinacionais

No Brasil, apenas 36% dos jovens entre 15 e 24 anos têm emprego e outros 22% já trabalharam, mas se encontram desempregados, atualmente.  Fugindo a essa estatística, e na contramão do desemprego, alguns jovens se destacam nas empresas em que estagiam e conseguem o tão sonhado primeiro emprego. Em alguns casos, essa primeira oportunidade já é possível em grandes empresas e multinacionais.

Camila Carol Félix, estudante do sétimo período do Curso de Administração do Instituto Camillo Filho (ICF), é um exemplo dessa realidade. Com o objetivo de trabalhar na área bancária, a estudante destaca que buscou investir na sua qualificação para se destacar no mercado.

Quando se candidatou ao estágio em uma Instituição Bancária renomada, Carol contou com o apoio dos professores da instituição que estuda e, pouco mais de um ano depois, ela conseguiu ser efetivada: “O meu desejo sempre foi trabalhar em uma instituição financeira e me especializar na área de investimentos. Quando busquei o estágio no Banco, me aprimorei mais e mais nessa área, com a intenção de ser efetivada. Mesmo assim, foi uma surpresa conseguir, antes do término do curso. Minha Faculdade me mostrou o melhor caminho a seguir, os professores sempre me apoiaram e deram forças, para melhorar cada dia mais”, disse.

Para o professor Marcos Gonçalves, coordenador do curso, esse é o resultado de um trabalho qualificado e direcionado. “Isso só confirma a importância da qualidade do ensino e do nosso diferencial, já que fazemos uma formação diferente, com interdisciplinaridade, estimulando os alunos a investir na qualificação profissional deles”, explica.

Outro exemplo de destaque no mercado de trabalho é Brunelle Botelho, também estudante do curso de Administração do ICF, mas do sexto período. Brunelle sempre desejou trabalhar na área bancária e ressaltou que o curso e a faculdade foram uma forma de estar bem preparada para o futuro emprego. “O Banco onde trabalho, atualmente, já fazia parte dos meus sonhos, antes mesmo de ingressar na graduação, mas sabia que precisava dar um passo de cada vez. Passei nove meses como estagiária e, logo em seguida, veio a tão sonhada efetivação. Estou muito feliz com essa conquista! Ao longo da jornada de estágio, pude contar com o apoio e incentivo da minha equipe de trabalho e dos professores do curso”, acrescenta.

Antônio Vinicius Ferreira, professor das estudantes e Líder de Empresas de uma das multinacionais financeiras citadas, explica que acompanhou o processo de admissão de umas das estudantes e que é gratificante, como professor, fazer parte de conquistas como essa. “A formação que nós damos aos nossos alunos no é fundamental para que eles tenham essa bagagem e adquiram todo o conhecimento necessário para participar e obter êxito em processos seletivos. O apoio da Instituição é fundamental também para que nós, como professores, possamos apoiar e incentivar nossos alunos. Ter professores que têm experiência de mercado também faz muita diferença”, finaliza.

 


Fonte: Assessoria de Imprensa